1.21. João Simões Lopes (1874-1937)


João Simões Lopes (1.21.) nasceu em Pelotas, no dia 31 de março de 1874. Foi o vigésimo-primeiro filho do Visconde da Graça, e nono filho de sua segunda esposa Zeferina Antônia da Luz Simões Lopes, a Viscondessa da Graça. Dedicou toda sua atividade à Agricultura. No transcurso de 1897, no município de Pelotas, na serra dos Tapes, ele adquiriu, fundou e organizou durante vinte anos, a Granja São João. Foi o pioneiro no cultivo do eucalipto no Estado, como no cultivo do arroz, em parceria com seus irmãos Manoel e Ildefonso, em 1908. Dirigiu a cultura mecanizada do arroz a pedido do industrial Pedro Osório, sob a firma Osório & Simões. Em 1919 organizou a Empresa Agrícola e Industrial em Tubarão-SC. Em 1922 foi Delegado Geral do Ministério da Agricultura. De 1924 a 26 foi Inspetor da Fiscalização dos Estabelecimentos Subvencionários pelo Ministério da Agricultura (PR e SC). Em 1927 e 28 foi Delegado Especial da Sociedade Nacional de Agricultura (SP, SC e PR).Casou-se com Plácida Osório, "Pequitita", nascida em Bagé a 3 de junho de 1881, filha do general Manoel Luís da Rocha Osório e de sua esposa e prima-irmã Orfila Martins Osório, ambos de Caçapava do Sul, neta paterna de José Luís Osório e Florinda Fausta da Rocha Osório, e neta materna de Pedro Luís Osório e Plácida Suárez Martins. Seus avós José Luís Osório e Pedro Luís Osório eram irmãos, ambos filhos de Manuel Luís e Ana Joaquina Luísa Osório; netos paternos de Pedro Luís e Maria Rosa da Silveira; netos maternos de Tomaz José Luís Osório e Rosa Inácia Joaquina de Souza.
Sua avó Plácida Suárez Martins era filha de José Luís Martins e Maria de la Natividad Luisa Agustina Suárez Alamo; neta paterna de João Antonio Pereira Martins e Maria Joaquina do Nascimento; neta materna do presidente uruguaio Joaquín Suárez y Fernández e María Josefa Alamo.
Sua avó Florinda da Fausta da Rocha era filha de Antonio da Rocha e Souza e Maria Antonia da Silva; neta paterna de Jacinto da Rocha e Souza e Bernarda Joaquina do Nascimento; neta materna de José Jacinto Pereira e Genoveva Maria de Bittencourt.
João e Plácida casaram-se em Pelotas a 15 de dezembro de 1897, e tiveram dez filhos.
João faleceu no Rio de Janeiro a 19 de fevereiro de 1937, aos 63 anos. Plácida faleceu no Rio de Janeiro, a 18 de março de 1946, aos 65 anos.

REGISTRO CIVIL DO CASAMENTO
:
Aos quinze de Dezembro de mil oitocentos e noventa e sete às nove horas da noite, à rua Quinze de Novembro numero cento e dez, nesta Cidade de Pelotas, presente o Doutor João Jacintho de Mendonça, Juiz Distrital, presidente do acto e as testemunhas Doutores Antonio Simões Lopes, Ildefonso Simões Lopes, Pedro Osorio e Coronel Pedro Luiz da Rocha Osorio, cumpridas as prescripções legaes, receberam-se em matrimonio
João Simões Lopes e Placida Osorio, ambos solteiros, catholicos, naturaes deste Estado e residentes nesta Cidade; elle, de vinte e trez annos d'idade e commerciante, filho legitimo do finado Visconde da Graça e da Viscondessa da Graça; ella, de dezesete annos de idade, filha legitima do finado Manoel Luis da Rocha Osorio e Orphila Osorio E para constar lavro este termo que assignam com o juiz , os contrahentes e testemunhas, Eu, José Osinio d'Aquino, escrivão de cazamentos
João Jacintho de Mendonça
João Simões Lopes
Placida Osorio
Ildefonso Simões Lopes, trinta annos, casado, engenheiro, residente n'esta Cidade
Antonio Simões Lopes, trinta e sete annos, engenheiro, casado, residente nesta cidade.

Comentários

  1. No texto acima há menção dos nomes de BERNARDA JOAQUINA DO NASCIMENTO e de seu primeiro marido JACINTO DA ROCHA E SOUSA. Tendo ela se casado em segundo matrimônio com MANUEL DA SILVA JORGE, dessa união nasceu meu bisavô ALEXANDRE LUIZ DA SILVA. Meu bisavô casou-se em Castro com minha bisavó LUZIA LIMA DE QUADROS. Tiveram 2 filhos, entre eles minha avó LUIZA DA SILVA ROCHA casada com seu primo " segundo" ANTÔNIO MARIA DA ROCHA (TICO). Desta união nasceu meu pai ALCIDES DA SILVA ROCHA e outros 10 irmãos. Do primeiro casamento de meu trisavô MANUEL DA SILVA JORGE, sua filha JULIANA contraiu matrimônio com o filho de sua madrasta BERNARDA, FRANCISCO ROCHA E SOUSA, dando início ao ramo do meu avô Antônio Maria da Rocha (tico). Atte.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

F1-N22 Augusto Simões Lopes: descendência

AGRADECIMENTOS - PARENTES