segunda-feira, 20 de julho de 2009

F1-N13 Arminda Simões Lopes (1859-1934)


ARMINDA SIMÕES LOPES nasceu em Pelotas no dia 14 de agosto de 1859, falecendo na mesma cidade em 4 de abril de 1934, sendo a primogênita do segundo casamento do Visconde da Graça. Casou-se com ALFREDO AUGUSTO BRAGA , natural do mesmo lugar, onde nasceu em 23 de outubro de 1856, e faleceu em 14 de maio de 1933, filho de Felisberto José Gonçalves Braga e Tereza da Cunha; neto paterno de José Joaquim Gonçalves e Firmiana Maria Gonçalves; neto materno de José Inácio da Cunha e Zeferina Maria Gonçalves. Suas avós Firmiana Maria Gonçalves e Zeferina Maria Gonçalves eram filhas de Felisberto Gonçalves Leal e Ana Maria de Jesus; netas paternas de Bernardo Gonçalves da Cruz e Ana Maria; netas maternas de Manuel de Souza Oliveira e Maria Joaquina de Jesus. Seu avô José Inácio da Cunha era filho de Manoel Inácio Gomes e Teresa Rodrigues da Silva; neto paterno de João Inácio Gomes e Jacinta Bernarda; neto materno de João Rodrigues da Silva e Antonia dos Santos Pereira.
Deste casamento nasceram três filhos:

Bn-1 Alaíde Simões Lopes Braga (1883-?)

Bn-2 Aïda Simões Lopes Braga (1886-1973)

Bn-3 João Alfredo Simões Lopes Braga (1889-?)

Um comentário:

  1. Ela foi a minha tataravó. Minha bisavó foi a Aida Simões Lopes Braga, minha avó Thereza, minha mãe Arlette. Uma dinastia só de mulheres. E a saga continua, pois tive uma única filha mulher que é a Tarsila.

    ResponderExcluir

Postagens populares